Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???
Cliquem pra ver!

♥ Mais uma carta... ♥



Edição Cartas do Bloinquês
Tema: Seja a solução do seu próprio problema.

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Meu querido amigo Diego Semfé!



Hoje ,ao contrário de outras nossas conversas por cartas, serei bem breve.

Estou ficando cansada.

Na certa, agora ao ler essa afirmação, estás fazendo a tua característica expressão de espanto e pensando: Como? O que houve? O que foi que fiz?

Para te responder digo:

Estou cansada de tu mesmo arrumares problemas para ti. És tu  mesmo quem desacredita das pessoas que podem te ajudar e não confias nelas.

Há casos que aconteceram contigo e que se não fosse a mão poderosa e abençoada de várias pessoas, estarias muito pior. Estarias ainda doente.

Tudo aconteceu dentro da normalidade. Claro, nem sempre, os exames foram com bons resultados.Isso faz parte...
Porém, tudo foi acontecendo conforme essas pessoas alertaram. A tua doença é um passo a passo.  Nada pode ser adiantado, acelerado. 

Não podemos colocar a carroça na frente dos bois... Tudo deve acontecer e então, as providências devem, ser tomadas.

Por que estou assim indignada e triste?

Pois recebeste exames. Vibramos todos. Ficamos felizes. Tu assim parecia também estar.  No entanto, permites que se criem "caramiolas"na tua cabeça e deixa que dúvidas e mais dúvidas cresçam se agigantem, ao ponto de questionares todo o tratamento.

 Não falarei mais nada!

Apenas para que valorizes o que fizeram por ti ... 
Fica feliz com cada vitória e não fica pensando na próxima derrota,tá?

É assim que se anda, assim que se faz!É assim que podes te ajudar e realmente ficar e te sentir melhor... É esse o passo que falta e depende de ti!

um beijo da tua melhor amiga, 

Dani Desanimada

* Apenas inspiração, ainda bem!!!

♥ Rápidas comunicações,rs... ♥



 Edição Conto/Histórias do BLOINQUÊS

Tema: Dois beijos na face e um abraço meio sem jeito.

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Seu Ernesto, alto funcionário de uma empresa de produtos para  telecomunicações,festejava seu aniversário.

Gostava sempre de além de fazê-lo num restaurante perto do escritório,  convidar alguns mais chegados para participarem de uma festa mais  íntima, junto com sua família, em sua casa. Parecia que faltava isso, no ano que não conseguia fazer assim.

Bem, naquele dia, a esposa e filhas prepararam todo ambiente, as encomendas chegavam de doces e salgados, além dos que  ali mesmo, na casa eram preparados. 

Juliana, a filha do meio, estava muito ansiosa naquele dia, mas todos acreditavam ser pela festa...

O clima estava lindo por lá.Tudo bem decorado, perfumado e sobretudo, feito com o coração, então se podia respirar carinho .

A festa inicia, tudo anda às mil maravilhas,quando chega Paulo, se desculpando pela demora.

_ Tive problemas no trânsito e com o carro, desculpe! Sei o quanto o senhor gosta de horários bem cumpridos...

_Ora, hoje é festa,Paulo! Deixa isso pra lá e vem, vou te apresentar às minhas filhas e genros

_Essa é Marta  e  seu esposo, Julio...

_Essa é Lucia e seu noivo, Pedro...

E essa é minha florzinha, Juliana, não quer saber de namorar.Aliás, nem tem idade para isso. É apenas estudiosa e o xodózinho do papai...Que assim fique muito tempo, é o que desejo!

Naquela hora, os tradicionais dois beijos na face e um abraço meio sem jeito foram trocados por Paulo e Juliana, que ruborizou e ficou toda sem graça, sendo nisso, acompanhada por Paulo.

A festa andava bem e os dois conseguiram ficar à sós num cantinho do jardim...

_ Puxa, a coisa tá difícil! Estava com esperanças que hoje eu pudesse revelar nosso namoro, diz Paulo.

_ Nem pensar! Papai é radical nesse ponto. Percebo que vou sofrer até conseguir voar com minhas próprias asinhas. 

 Voltam para dentro , cada um longe do outro, apenas se olhando, como se amigos fossem. Mal sabia o pai que haviam se encontrado lá no escritório ,numa de suas visitas ao pai e por lá tudo iniciara...

Quase o final da festa,Seu Ernesto convida a todos para um brinde.

Copos se unindo, olhares , bons desejos trocados...

Paulo toma coragem e levanta o copo:

_Um brinde à minha namorada, Juliana! Queria fazer surpresa de aniversário ao meu chefe...Dizer-lhe que como bom funcionário da empresa de telecomunicações, já havia me comunicado com Juliana...-disse rindo,mas nervoso.

Juliana quase cai dura! Admira a ousadia de Paulo e espera a reação do pai...

Este, ficou parado, olhando firme, ora para um, ora para o outro . Passam-se apenas segundos, mas parecem horas para os dois, até que Seu Ernesto sorrindo diz:

_ E vocês pensam que me enganarm? Acham que eu não sabia?
Todos lá no escritório sabem e me falaram...Esqueceram do Facebook, das redes onde colocaram suas fotos?
Não se preocupem, está tudo bem!

Tem minha aprovação.Podem continuar...

Paulo e Juliana o abraçam e agradecem. No fundo sabem que aquela aprovação era apenas uma formalidade...Suas vidas já estavam unida por algo bem mágico...
Juliana já esperava um bebê...

Mas acharam melhor, não dar aquela notícia! Pelo menos, não naquela noite!

Seria muita novidade sobre ela, o xodozinho, a que apenas pensava em estudar. Melhor dar as notícias às colheradas, passo a passo...

 E assim decidiram...

Sabiam que ele ficaria feliz com a notícia e ela, feliz em ser a primeira a dar um neto aos seus pais...


♥ Saudando os erros... ♥



Edição Musical do Bloinquês

Tema:  ♪ E fizesse parar de chover nos primeiros erros

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Fico aqui a imaginar:
Se  numa mágica do tempo
ao passado pusesse eu voltar...

Olho, examino, tudo vejo
Há coisas que nem de perto consigo entender...

Vejo acertos, mas também muitos erros...
Sem eles, só santos, ou nem eles conseguem viver...

Vejo logo, no começo da caminhada
perdas de tempo, más escolhas tomadas

Formaturas em cursos decepcionantes
que pensava me oferecer temas apaixonantes...

Tantas  bobagens, tantas tolas preocupações
 que em nada na vida puderam somar...

Uma pergunta teima em aparecer: 
-E fizesse parar de chover nos primeiros erros?

Nessa hora, um coisa aparece como  certeza derradeira:
-se não houvessem aqueles erros primeiros
 o caminho poderia até fácil parecer,
porém, tantas coisas ,deixaria eu, pela vida, de aprender!

♥Amor e Questionamentos... ♥





Para participar da Blogagem Coletiva promovida pelas amigas
                     
Espiritual-idade
Luz de Luma, Yes Party!!
Publicar Para Partilhar
NacoZinha Brasil (membro honorário)
O tema dessa vez é :Questionamentos.

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Conhecemos o nosso amado, namoramos, noivamos, enfim,casamos...
Gravidez, filhos, trabalhos, tantas coisinhas nesse lindo "pacote" de amor.

Entramos apaixonados, cheias de sonhos coloridos.

E, pouco a pouco, afazeres, rotina, tudo a se instalar.

E vinha outro filho. Rotina se alterava, alegria aumentava e isso quatro vezes,sr...

Junto , problemas, falta de grana, incomodações normais, mas sempre existentes em família...

Tudo aparecia para aqueles dois que lá no início de suas vidas, só o amor conseguiam ver!

Agora, tudo, juntinhos, devem saber resolver!

E a linha do tempo segue os céus riscando:
Cada dia, o dia a dia...

Dormir junto, cedinho acordar!

Brigados, à noite ,nunca nos devemos deitar!

Assim, os dias vão e vão...

Os filhos já crescidos, trazem seus amados.( Vou dizer: cada um que aparecia, nem de onde tinham achado,sr)

E os dois, lá do começo, tudo aquilo a aguentar...

Mas eles, sempre juntinhos. Claro, tantas vezes, até os dois a "estourar"!

Nem todos dia é dia de festa...

Ninguém pode, ao entrar numa relação,pensar...

Depois, chegam o netos. Alegria de montão!
Porém, com eles no "pacote",vem inda mais preocupação!

Chegam doenças, imprevistos, tanta coisa acontece!

E o amor daqueles dois?

De outra forma, diferente lá do começo, onde tudo era "pegação", posso dizer:
Ainda existe e acontece!!!

Não podemos esperar que tudo seja como antes...
Pelancas, rugas, graxinhas agora  a atrapalhar,rs...

Mas o invisível, permanece.

O amor existe e ele não reside apenas no prazer...

Além dele, amizade, respeito, cumplicidade, faz o  vínculo do amor, risonho e eterno ser!


* Por isso, os questionamentos fora tantos, mas sempre resolvidos com o amor e parceria. Sem isso, lhufas! nada há!

♥ Uma história de amor... ♥



Edição Conto/Histórias do Bloinquês
Tema: A sua história de amor

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Ela era sempre intimada a acompanhar a irmã,  nos encontros com namorados.As duas já eram grandinhas, mas era costume na época. Esse acompanhamento  chamava-se "chá de pera". Nome estranho,não?

E a irmã namorava na época, um italiano.

Ele levava sempre o amigo ,outro italiano, na nossa casa e ela não se sentia nada bem.
Não simpatizava com ele. O achava exibido, não era seu tipo...

Uma noite ,foi acompanhar a irmã num baile claro e quando chega lá, vê o rapaz , na mesma mesa.

Assim, estavam os quatro.

De repente, aceita um convite para dançar de um outro moço.

Preferiu dançar com aquele que fugia aos seus gostos também, loiro, cheio de espinhas no rosto só para lá não voltar...

O baile acabou, foram para casa..

No fim de semana seguinte, foram passear junto com os pais, brincaram, jogaram bola juntos e sempre que podiam, a bola os fazia se tocarem...

Ela sente até hoje aqueles "toques"...

Três dias se passam e ela recebe um convite para ir ao cinema ...Desta vez, sozinha...
Lá,  mágica aconteceu...

O filme? "Eu, ela e o pijama", ela nem lembra com quem..

Tenho dúvidas se ela realmente viu o filme,sr...

Mas sei, tenho certeza que naquele dia um cutucãozinho do destino havia sido dado.

Era feriado de N.Sra. da Conceição ,coincidentemente ou não, a padroeira da família...

E ali, tudo começou. E eles seguiram  à risca a produção da família.

Hoje, tem quatro filhos, seis netos e se amam muito, muito e muito!
E fazem muitos e muitos anos também!

Que Possam assim ficar ,felizes, com SAÚDE  por muito tempo...Sempre juntos! Ainda mais agora, que ele se aposentou e devem viver uma nova fase de suas vidas!




Como ilustração, ela foi buscar um vídeo do filme. Talvez para ver  realmente,srsr
Confessa que não sabe como foi ver um filme assim.

 Ainda bem, não o assistiu na íntegra ou...quase nada!rssssssss...

♥ Espera...♥




Tema: "Era uma vez"

(((o)))o(((o)))o(((o)))



Era uma vez uma mulher, chamada Pazienza e  uma casa afastada da cidade , onde vivia com seus seis filhos.

Por lá, há anos e  anos a cena se repetia...

Dezessete  horas no relógio, ela largava o que fazia ,corria ao portão .Era uma hora mágica para ela.

Ninguém chegava e ela triste se recolhia aos seus trabalhos e torcia para que no dia seguinte,ele voltasse, cumprindo sua promessa de buscá-la e aos filhos para uma nova vida, muito melhor...

Nenhuma notícia, nenhuma carta, nada a fazia manter viva aquela promessa na lembrança...Mas ela, teimosa, insistia...

Os dias passando,ela na mesma: esperando...

Esperou,esperou...se esqueceu de viver!

Foto DAQUI

♥Ao meu amigo e parceiro... ♥



 Edição Opinativa do Bloinquês 
Tema: Homenagem

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Hoje quero falar de alguém que está sempre ao meu lado.

Me faz companhia e deixa com que eu libere tudo que há dentro de mim.

Ligo, desligo, saio, volto, ele me espera, quietinho, apenas parado, esperando eu chegar...
Nem se importa que seja tão usado...Que trabalhe tanto!

Acho que prefere assim pois ele é bem ativo e me contou em segredo que quanto mais nele bato, mais ele se sente útil.

Ele fica nervoso, como eu, quando estranhos "cortam" nossa ligação, não nos permitindo estar juntos.( Essa Net!!!rs...)

Ele não gosta de ficar só... Parece me chamar para nele vir trabalhar.

Por isso, é meu parceiro até nas viagens , está sempre presente! Me deixa tudo registrar...

E nem se importa pelas vezes em que foi trocado. Sabe reconhecer quando está velhinho demais e então se recolher, dando lugar a um novo.

Mas isso, só acontece, em caso de doença grave dele...

Eu o adoro e minha homenagem hoje é pra ti, meu querido amigo, de tantas horas, onde escrevo, bobagens, besteiras, coisas sérias ou não. 

Fazes parte de minha vida, meu computador...


* Imagem DAQUI, trabalhada pela chica

♥ Uma cancela... ♥




Ela ameaçava, ameaçava...Ele não a queria ouvir.

Um dia criou coragem, trancou o portão.
Saiu...

Restou a cancela, cadeada,chave escondida no chão.

Ela? Ninguém sabe, ninguém viu...

Nunca esteve realmente ali!

Foi tão fácil,bastou a coragem!


Foto retirada de Plácido Ferreira, ver AQUI